Nosso drink com cerveja para esse verão

Por Mirella Camargo

Início de ano é tempo de férias, época de curtir uma praia e a estação mais tropical do ano: o verão!

beerbuster_coletivo_tropical
Foto: Mirella Camargo

Quando se fala em verão e calor, pensamos logo em tomar uma cerveja estupidamente gelada. Mas você sabia que também é possível criar drinks com cerveja?

Não é uma bebida muito comum nas cartas de drinks dos bares por aí, mas sim, é possível brincar com a cerveja e misturá-la a outras bebidas e ter um resultado fantástico. Geralmente vemos drinks à base de vodka, whisky, gin, cachaça, mas hoje é dia de aprender a fazer um “Beer Buster”.

Neste drink vamos juntar cerveja, vodka e pimenta. Sim, pimenta!! As bebidas devem estar bem geladas para ter um resultado perfeito. Apesar de apimentado, o Beer Buster é um drink super refrescante. Você praticamente não vai notar a presença da vodka, a não ser pelo fato do teor alcoólico que vai fazer você dar umas risadinhas em poucos minutos. Já a pimenta, esta sim já notamos no primeiro gole, mas sem exagero, em um equilíbrio perfeito.

Dica do amor ❤

Além da cerveja bem gelada, é importante que a vodka usada no drink esteja armazenada no freezer para que o drink não perca a temperatura ideal. Aqui em casa a vodka mora no freezer, sempre!

Ingredientes:

  • 35ml de Vodka gelada (o ideal é que a garrafa esteja no freezer)
  • 3 gotas de pimenta Tabasco
  • 350ml de cerveja Larger ou Ale bem gelada
Como preparar:

Em uma caneca de chopp, misture a vodka com a pimenta. Gentilmente complete a caneca com a cerveja e sirva. É só isso! Ah! Lembre-se: por ser apimentado e gelado, este drink pede um bom petisco para acompanhar.

E você? Já tentou fazer algum drink com cerveja? Conte para nós o resultado!

 Saúde! 😉

Receita: Ultimate Bar Book by Mittie Hellmich – Ed. Chronicle Books

Cervejas e queijos: uma harmonização improvável e que funciona

Por Mirella Camargo

No mundo das harmonizações a dobradinha mais difundida é sem dúvida o queijo + vinho tinto. Mas você sabia que também é possível harmonizar perfeitamente uma bela cerveja especial com o seu queijo favorito?

image

Estamos no Brasil, com clima tropical, calor que pede sempre uma cerveja estupidamente gelada, então vamos tirar proveito disso e colocar um queijinho na jogada.

Confesso que sempre tive dificuldade em fazer este tipo de harmonização e muitas vezes errei (mas comi e bebi tudo até ver o fim). Acabava escolhendo um queijo que matava completamente a cerveja e vice-versa. Como minha especialidade é apenas comer e beber, fui pedir ajuda ao pessoal da Eisenbahn que são especialistas no assunto e nos deram quatro opções de harmonização que eu testei em casa e ficaram perfeitas.

Foram escolhidos para esta harmonização quatro queijos maturados: Gouda, Reino, Gorgonzola e Parmesão. Estes tipos de queijos, após o processo de produção, que inclui a pasteurização do leite, coagulação, corte e salga, permanecem em repouso para a maturação (período que pode demorar de poucas semanas a alguns meses), em ambientes com temperatura e umidade controladas. São queijos com sabores marcantes.

Confira abaixo as sugestões de harmonização, monte sua tábua de queijos, abasteça a geladeira e chame os amigos. 

Queijo Gouda + Eisenbahn Weizenbier

A cerveja estilo Weizenbier é uma bebida com um perfil bem aromático que remete ao sabor de banana e cravo. Por ser refrescante e bem gaseificada, combina perfeitamente com o Gouda, pois suaviza o sabor picante e ressalta o leve toque adocicado do queijo. 

Queijo Reino ou Gorgonzola + Eisenbahn Strong Golden Ale

Por se tratarem de queijos fortes, de sabores marcantes e predominantes, o Reino e o Gorgonzola pedem uma cerveja com a mesma força. Por isso a indicação é a Strong Golden Ale da Eisenbahn, que é bem encorpada, levemente adocicada e bem alcoólica. Para queijos que são tão imponentes, uma cerveja com alta graduação alcoólica ajuda a limpar o paladar, proporcionando uma harmonização perfeita. 

Parmesão + Pale Ale

Levemente picante, o queijo Parmesão pede uma cerveja com um nível de amargor equilibrado, que faça o contraste com o sabor e limpe o paladar. Neste quesito a cerveja tipo Pale Ale é perfeita, pois tem um amargor médio a baixo, levemente tostado, que complementa o sabor do queijo Parmesão.

Veja abaixo mais algumas opções sugeridas no livro Larousse da Cerveja:

Brie/Camembert: Bock, American Ale, Porter, Stout e India Pale Ale.

Gruyère: Bock, Amber Hybrid Beer, English Pale Ale, Strong Ale e Belgian Strong Ale.

Minas Padrão: Pilsner, Bock, Porter, Stout e Strong Ale.

Frescal: Light Lager, Pilsner, European Amber Lager e English Pale Ale.

MORADO, Ronaldo. Larousse da Cerveja. Editora Larousse, 2009.

Agradecimentos: Brasil Kirin e Tirolez